quinta-feira, 11 de setembro de 2014

Foto Antony - D. António Ferreira Gomes

Bispo do Porto em Fátima.
Reportagem n.º 2699
24/junho/1969
D. António Ferreira Gomes nas fotografias do arquivo fotográfico da Foto Antony, depositado no Arquivo Municipal de Penafiel.
Bispo do Porto em Fátima.
Reportagem n.º 2699
24/junho/1969
D. António Ferreira Gomes nasceu em 10 de maio de 1906, na Casa da Quebrada, freguesia de Milhundos, concelho de... Penafiel. Seus pais eram Manuel Ferreira e Albina Rosa de Jesus. Cresceu numa família numerosa de nove filhos. Frequentou os seminários diocesanos do Porto, de 1916 a 1925, seguindo depois para Roma, onde fez os cursos de Teologia e Filosofia, de 1925 a 1928, na Pontifícia Universidade Gregoriana. D. António Ferreira Gomes foi ordenado presbítero, em 22 de setembro de 1928.
Inauguração das casas do Bairro de S. Vicente de Paulo, com a presença de Dom António Ferreira Gomes.
Segundo o registo do autor: “Um bairro construído à custa do povo, sem qualquer comparticipação oficial… palavras do S. Abade às 11horas”
Reportagem n.º 867
04/junho/1958
Um mês depois, foi nomeado prefeito e professor do Seminário do Vilar. Em 1936, foi designado vice-reitor do seminário e passou a fazer parte do cabido da Sé do Porto. Mais tarde, assume a reitoria do seminário. Em 15 de Janeiro de 1948 foi nomeado Bispo titular de Rando e coadjutor de Portalegre e Castelo Branco. A 6 de julho de 1949, com a morte do bispo titular, D. António Ferreira Gomes sucede-lhe como bispo de Portalegre e Castelo Branco. Quatro anos volvidos, em 12 de outubro de 1952, regressou ao Porto como Bispo desta cidade. D. António veio a falecer na madrugada de 13 de Abril de 1989. 
O Bispo do Porto a assinar o “Livro de Honra da Foto-Antony”.
Reportagem n.º 2710
09/julho/1969
Bibliografia utilizada: ANDRADE, Pacheco de - O Bispo controverso: D. António Ferreira Gomes percurso de um homem livre. Lisboa: Multinova, 2002.

Sem comentários:

Publicar um comentário